.

Chegou no Brasil o vinho Desalmado DOC Tejo 2012, o vinho ícone da Adega do Cartaxo. Tive a oportunidade de participar do lançamento deste vinho aqui no Brasil, que aconteceu no restaurante Otro Parrilla, em Brasília. O português Fausto Silva, diretor executivo da vinícola, aterrisou por aqui para apresentar esse vinho topo de linha, com uma produção limitada de 3883 garrafas.

Eu ladeada pelo português Fausto Silva, diretor da Adega do Cartaxo que veio exclusivamente para Brasília para lançar o rótulo Desalmado

O Desalmado é resultado da união das castas Touriga Nacional, Cabernet Sauvignon, Tinta Roriz, Alicante Bouschet, Merlot e Castelão, todas basicamente na mesma proporção, com um estágio de 12 meses em barricas de carvalho francês grão extra-fino e um posterior estágio em garrafa durante 24 meses, é um vinho complexo e intenso, que merece muuuuito ser degustado por quem aprecia vinhos de qualidade. No nariz apresenta notas de frutas silvestres compotadas, notas de madeira que não se sobrepõe à fruta mas confere-lhe um aroma especialmente complementar. Também possui algumas especiarias e leves toques terrosos.

Desalmado: 15% de graduação alcoólica, mas na boca mostrou-se extremamente equilibrado

Na boca, apesar dos seus 15% de graduação alcoólica, é bastante equilibrado com uma estrutura que surpreende e uma persistência intensa. É um vinho exuberante com notas intrigantes de frutas silvestres. Os taninos, no entanto, estão muito presentes e marcantes, demonstrando que o Desalmado é realmente feito para guarda e que estará em sua plenitude dentro de uns cinco anos ou mais.

O vinho será produzido apenas em anos excepcionais. 2013, 2015 e 2016 já estão em produção e prometem manter a mesma qualidade da safra de lançamento. “O Desalmado é um vinho diferente, único, que representa muito para nós” afirma Fausto Silva. “A ideia é que nele esteja representado toda a complexidade dos microterroirs existentes na Adega do Cartaxo”, confidencia.

Harmonização

Para harmonizar, ele vai muito bem com pratos de sabor intenso, especialmente carnes. Por isso, ficou perfeito ao ser degustado acompanhando das carnes nobres preparadas ao estilo argentino no Otro Parrilla ( Chorizo, assado de tira, ojo de  bife e/ou vacio).

As carnes nobres ao estilo argentino do Otro Parrilla harmonizaram super bem com o potente Desalmado 2012.

Curiosidade

Desalmado: não um vinho sem alma, mas enérgico e irreverente!

O nome Desalmado na verdade não quer dizer um vinho sem alma. É que o adjetivo desalmado é muito utilizado pelos portugueses do Tejo para designar pessoas enérgicas e irreverentes. Já seu rótulo remete a um Cavalo Lusitano, animal majestoso e imponente, que lhe serve de inspiração. O vinho estará disponível em breve em diversas lojas e restaurantes do país. O preço deverá girar em torno de R$450,00 a R$500,00.

Comentários

comentários

Close