.
IMG_9645
Mais de 400 vinícolas estão estabelecidas na belíssima região do Napa Valley.

Visitar o Napa Valley é sempre uma surpresa agradável. Também pudera, são mais de 400 vinícolas localizadas nessa belíssima região que fica a pouco mais de uma hora e meia de carro de San Francisco (CA). Os vinhedos ocupam quase toda a extensão do Napa – Muitos deles ficam situados à oeste ( próximos às montanhas Mayacamas) e outros à leste (próximo às montanhas Vaca). Em parceira com a Maryanne McD do Hotel California Blog (que além de blogueira faz passeios privados pela região) fui conhecer de perto mais três vinícolas super famosas e recomendadas por guias e revistas especializadas em turismo na região.

Eu com a querídissima Maryanne (blogueira do Hotel California Blog e guia especializada em tours pela Califórnia)
Eu com a querídissima Maryanne (blogueira do Hotel California Blog e guia especializada em tours pela Califórnia)

Hess Winery

A primeira vinícola que visitamos foi a Hess Winery, localizada na montanhosa área vitivinícola Mount Veeder. O local (belíssimo, por sinal) fica mais pro Oeste e é um pouco afastado da região onde ficam as outras vinícolas mais conhecidas (em geral, situadas ao Norte e Leste de Napa). No entanto, o passeio à Hess vale muuuito à pena. Só recomendo o uso de um GPS para chegar ao local, pois até a experiente Maryanne não abre mão desse recurso para evitar transtornos desnecessários.

IMG_9334
Hess Winery – localizada na montanhosa região de Mount Veeder – a oeste de Napa

Sobre a Hess

A vinícola foi fundada em 1978 pelo empresário suíço Donald Hess, e  aberta ao público em 1989. Tem como filosofia a viticultura sustentável e possui muitos vinhos interessantes. E além de ser muito bonita, aconchegante e agradável, ainda possui um incrível museu de arte contemporânea com inúmeras e instigantes obras de arte.

IMG_9341
A bela Hess Winery foi fundada em 1978 e aberta ao pública em 1992
No local pode ser visitado um interessante Museu de Arte Moderna
No local pode ser visitado um interessante Museu de Arte Moderna

Degustando Cabernets

Para visitar o local e fazer a degustação é preciso agendar a visita no site com antecedência. Durante minha passagem por lá, tive a oportunidade de degustar vários vinhos, entre eles os três Cabernets que a Hess produz (A degustação custou US$30). Adorei a experiência porque foi possível notar os estilos bem diferenciados dos diversos terroirs onde as uvas das Hess são cultivadas.

IMG_9366
Recebendo explicações técnicas durante a degustação dos Cabernets.
Três Cabernests de diferentes terrois. Estilos diferenciados: um elegante; o outro, potente e o terceiro com muitas especiarias.
Três Cabernests de diferentes terrois. Estilos diferenciados: um elegante; o outro, potente e o terceiro com muitas especiarias.

Robert Mondavi

Em seguida, partimos para a famosíssima vinícola Robert Mondavi, localizada em Oakville, AVA do Napa super conceituada pela produção de excelentes Cabernets Sauvignons. Confesso que cheguei ao local sem muita expectativa em relação aos vinhos. Tendo em vista que a Robert Mondavi está para a Califórnia assim como a Concha y Toro está para o Chile, achei que fosse degustar apenas vinhos comerciais.

IMG_9479
Entrada da famosa vinícola Robert Mondavi

Degustação top no Napa Valley

No entanto, como comprei a degustação “Pairing with Cheese” (Harmonização com queijo), pagando US$45 por pessoa, mais que o dobro da degustação básica que sai a US$20, tive a oportunidade de experimentar vinhos tops e de produção mais restrita. O melhor de tudo é que a degustação foi super reservada, aconteceu dentro de um sala com paredes de vidro localizada na cave de barricas, e com informações super precisas e detalhadas. Enfim, uma experiência inesquecível!

IMG_9534
“Pairing Cheese”: degustação super especial na sala de vidros da Cave de barricas

Aproveito pra destacar o Cabernet Reserve Oakville 2010. Me agradou demais. Potente e elegante com taninos integrados e muitas frutas negras. É equilibrado, mas traz consigo as características do terroir de Oakville, local onde é produzido. Custa US$145, mas é daqueles que vale o investimento.

Cabernet Sauvignon 2010 Reserve da Robert Mondavi - "Vale o quanto pesa"
Cabernet Sauvignon 2010 Reserve da Robert Mondavi – “Vale o quanto pesa”

Barricas e vista – Depois da degustação, finalizamos a visita à Mondavi conhecendo a grande sala de barricas de madeira onde os vinhos tops são  fermentados e o terraço da vinícola, com a belíssima vista das montanhas que rodeiam a região.

IMG_9557 (1)
Um passeio pela sala de barricas para verificar de perto o local em que os vinhos mais nobres da vinícola são fermentados.
Visita finalizada com uma linda vista do terraço da vinícola.
Visita finalizada com uma linda vista do terraço da vinícola.

Na famosa Opus One

Depois de deixar a Mondavi, segui com a Maryanne para a Opus One, que fica bem pertinho. (Vale ressaltar que tanto na Mondavi como na Opus One é necessário agendar a degustação com antecedência pelos respectivos sites). A Opus One é uma vinícola linda e muita famosa por produzir o badalado vinho de mesmo nome – uma criação de Robert Mondavi (homem que ajudou a mudar a história dos vinhos da Califórnia) e do Barão Philippe de Rotschild (do Chateau Lafite, um dos mais caros vinhos do mundo).

Opus One
Pose com a Maryanne na entrada da Opus One

Degustação do Opus One

Para degustar uma tacinha do Opus One 2009 eu tive de desembolsar US$60. Muito caro! Mas, confesso que queria matar minha curiosidade. Afinal, todo mundo fala desse vinho cuja garrafa custa aqui nos EUA US$250 e no Brasil, quase R$2000. Clique aqui e confira minhas impressões.

IMG_4714

Vista impagável – A despeito de meu parecer, gostei muito ter encerrado o passeio do dia na Opus One. Afinal, a vista do terraço do  local é realmente belíssima e, essa sim, não tem preço!

IMG_9632
A beleza da vista do terraço da Opus One impressiona: vinhedos, vinícolas e cadeias montanhosas.
IMG_9623
De um dos lados do terraço é possível avistar a vinícola Robert Mondavi ao fundo.

Brinde, agradecimento e recomendação – Lá pude brindar com a Maryanne o sucesso da parceria entre o Blog Vinho Tinto e o Blog Hotel California. E aproveito a oportunidade para finalizar esse post agradecendo a ela todo o carinho e atenção dedicados durante os passeios maravilhosos que fizemos juntas pela inesquecível região de vinhos do Norte da Califórnia. Também recomendo a todos os meus amigos e seguidores tanto as dicas de seus posts como o seu trabalho  – super profissional – como guia de turismo não só às vinícolas como também em San Francisco. Valeu Maryanne e até a próxima!!!

Comemorando o sucesso da parceria do Blog Vinho Tinto e do Hotel California Blog - trabalho e amizade!
Comemorando o sucesso da parceria do Blog Vinho Tinto e do Hotel California Blog – trabalho e amizade!

VEJA MAIS FOTOS CLICANDO AQUI

Comentários

comentários

Close