.
Criatividade e sustentabilidade: projeto do designer brasileiro Paulo Grohman  transforma rolha em bonecos
Projeto do designer brasileiro Paulo Grohman transforma rolhas de vinho em bonecos (Foto: Vivian Bornia)

A internet é realmente sensacional. As redes sociais nem se fala. Dia desses descobri no Instagram os Rolhecos. Um projeto do designer brasileiro Paulo Grohman inspirado no famoso movimento contemporâneo Toy Art (brinquedos com o intuito de colecionismo e decoração).  A ideia, além de criativa é bem sustentável, pois é feita à base da reutilização de rolhas de cortiça provenientes de vinhos e espumantes.

10895001_1558356324407222_1848099341_a
Ideia criativa e sustentável: bonecos feitos à base da reutilização de rolhas de vinhos e espumantes.

Na prática, o Paulo teve uma ideia simples e fantástica ao mesmo tempo.  Ele conseguiu enxergar que as rolhas poderiam ser reutilizadas como matéria-prima e passou a transformá-las em pequenos e coloridos bonecos que batizou de Rolhecos, literalmente: bonecos de rolha.

"Cada rolha é diferente, cada boneco é feito e pintado à mão. E eles nascem cheios de personalidade!"
Rolhecos: literalmente, bonecos de rolha. (Foto: Vivian Bornia)

Isso aconteceu há mais ou menos um ano. No início, os Rolhecos eram apenas um hobby; hoje, se tornou um ofício. Agora, Paulo já tem até uma loja virtual para encomendas e vendas dos seus produtos. Os Rolhecos, como todo produto criado por designer,  tem uma marca registrada:  o sorriso cortado na rolha, detalhe marcante em quase todos os bonecos. Para Paulo, cada uma das suas criações é única. “Existe, sim, uma fórmula para criá-los, mas não uma fôrma. Cada rolha é diferente, cada boneco é feito e pintado à mão. E eles nascem cheios de personalidade!”, revela o artista.

"Existe, sim, uma fórmula para criá-los, mas não uma fôrma. Eles nascem cheios de personalidade"
“Existe, sim, uma fórmula para criá-los, mas não uma fôrma…”
"...eles nascem cheios de personalidade"
“…eles nascem cheios de personalidade”

Decoração  – Os Rolhecos têm por finalidade deixar o ambiente mais divertido e colorido. Segundo Paulo, os eles são ideais para decoração de adegas, escritórios ou qualquer outro ambiente que necessite um toque especial. A marca pretende agradar adultos e também crianças, por isso, ele também criou um kit de pintura para os pequenos designers. O kit contém um Rolheco em branco, acompanhado de pincel, tintas e olhinhos para colar.

Vinho: criação para decorar adegas
Vinho: criação para decorar adegas e áreas gourmet
A marca pretende agradar também as crianças, por isso criou um kit de pintura com um Rolheco em branco, acompanhado de pincel, tintas e olhinhos para colar.
Kit de pintura: Rolheco em branco, pincel, tintas e olhinhos para colar.

Rolhas –  As rolhas são captadas principalmente em restaurantes e casas noturnas de Sorocaba (SP). O valor pago por rolha é de R$ 0,20 e esse dinheiro vai para os funcionários do local, como um bônus. É o mesmo que pagaria por uma rolha nova, “mas assim é muito melhor”, diz Paulo. O processo é positivo tanto para o meio ambiente tanto para causas sociais. No final de 2014, por exemplo, foi feita uma campanha em prol do GPACI – Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil – na qual a Rolhecos pagou R$ 0,25 por rolha de vinho e R$ 0,50 por rolha de espumante doada.  A campanha viralizou no Facebook e Instagram, com mais de mil compartilhamentos em poucos dias.  Ao final foram captadas quase 3 mil rolhas, que resultou em aproximadamente R$ 800 doados ao hospital.

Projeto interessante tanto para o meio ambiente como para causas sociais.
Campanha realizada em dez/2014: projeto interessante tanto para o meio ambiente como para causas sociais.

Encomendas – Feitos exclusivamente de rolhas recicladas, os bonecos podem ser encomendados com qualquer temática. Além de criações próprias, personagens da cultura pop são os mais pedidos, como Batman, Super Homem, Charlie Chaplin, Minions, Harry Potter, Lampadinha e outros. Para adquirir o seu, basta acessar loja virtual . As encomendas são enviadas para todo o Brasil.

1417
Além de criações próprias, personagens da cultura pop também são bastante encomendados. Fotos: Vivian Bornia

Clique aqui para ler a entrevista  exclusiva com o designer Paulo Grohman e saber mais sobre esse projeto.

Comentários

comentários

Close