.
Tejo Restaurante: 404/405 Sul Excelente atendimento

Esses dias fui jantar no Tejo Restaurante, na 404 Sul em Brasília, (inclusive, se você aprecia a culinária portuguesa, bons vinhos e ambiente requintado, eu “super recomendo”). Para comer, pedi o tradicional bacalhau no forno à portuguesa, servido em postas, dessalgado, acompanhado de batatas e brócolis e com muito azeite. Na hora de escolher o vinho, fiquei na dúvida e pedi auxílio ao sommelier da casa, o Eugenio Cue. Queria um vinho de um bom custoxbenefício e que harmonizasse com o prato. A noite estava muito quente e ele me sugeriu o chileno Ilaia Sauvignon Blanc. Achei estranho comer bacalhau acompanhado de vinho chileno, mas resolvi arriscar. E não é que a sugestão deu certo?

Posta de bacalhau no forno à portuguesa (metade) acompanhado de um delicioso Sauvignon Blanc chileno

Harmonização

O vinho tinha um aroma marcante de maracujá e tomate verde, e era bem elegante na boca. Não era um vinho especial, era um vinho relativamente simples, mas com intensa acidez e bem fresco. Muitas notas herbáceas e cítricas, boa persistência sem apresentar final enjoativo, justamente pela boa acidez. Enfim, um bom Sauvignon Blanc chileno que ao ser degustado junto com um bacalhau mais leve ficou perfeito. Percebi que um vinho tinto era desnecessário para aquele prato que não necessitava de taninos, pois o bacalhau estava dessalgado e o que predominava ali era realmente a delicadeza. Além disso, para fazer frente à boa dose de azeite um vinho com boa acidez era suficente. Bem, além disso, adorei o preço do vinho: R$109,00 – um ótimo preço para se pagar por uma garrafa do estilo do Tejo nos dias de hoje (R$109,00).

Detalhe Importante – O bacalhau é um “peixe diferenciado” e é incrível como é possível harmonizá-lo bem com diversos tipos de vinho. Tudo vai depender da forma como o peixe é preparado. É interessante arriscar! E, na dúvida: peça ajuda ao sommelier!

Sobremesa

Na hora da sobremesa, um estrogonofe de nozes…Humm…foi uma excelente pedida! Para harmonizar, uma taça do vinho licoroso português Da Calada – Casca de laranja, figo e frutas secas…Perfeito!!!

Vinho licoroso português Da Calada – Super aromático e extremamente intenso para acompanhar o delicioso estrogonofe de nozes

Tejo Restaurante

O Tejo Restaurante é homenagem ao rio que banha a cidade de Lisboa. O restaurante ainda conta com dois salões e uma charmosa varanda. Ah! E todas as todas as terças e quartas, no almoço e no jantar, a primeira rolha sai de graça para quem quiser levar seu próprio vinho.

Eu, ladeada, à esquerda pelo sommelier Eugenio Cue e à direita por Natividade e Manuel Pires, sócios do Tejo.

 

Comentários

comentários

Close