.

O prazo para apresentar os dossiês para a classificação de Saint-Emilion 2022 encerrou no dia 30 de junho de 2021, mas nenhum dossiê foi recebido do Château Ausone  ou do Château Cheval Blanc, o que, na prática, equivale à retirada de ambas as propriedades da classificação.

Chatêau Ausone
Chatêau Ausone renuncia à classificação Saint-Emilion 2022

Apesar de parecer uma falha adminstrativa, não foi. A real desistência foi confirmada no dia 9 de julho no jornal francês online Terre de Vins

Este dois Châteaux detinham a classificação mais alta do sistema de Saint-Emilion: a de Premier Gran Cru Classe “A”. Apenas outros dois possuem também a mesma classifcação: Château Angelus e Château Pavie. A originalidade dessa classificação, inclusive, é sua revisão a cada 10 anos. A primeira edição foi anunciada em 1955.

Chatêau Cheval Blanc - fora da classificação Saint Emilion 2022
Château Cheval Blanc – fora da classificação Saint Emilion 2022

Em ambos os casos, o motivo apresentado reflete a percepção de que os critérios de seleção e classificação se afastaram demais de uma ênfase na propriedade, seus vinhedos e, claro, dos vinhos em si, uma vez que houve mudança nos critérios da classificação e que eles não levam mais em conta apenas a qualidade do vinho, mas questões como a qualidade do enoturismo oferecido, a fama e o marketing.

Há rumores também de que o fato do Chateau Angelus e Château Pavie terem ascendido em 2012 também tenha abalado os concorrentes  Chateau Ausone e  Château Cheval Blanc.

Essa decisão prejudicará o Chateau Ausone e o  Château Cheval Blanc? Sinceramente, acredito que não. É mais fácil prejudicar a classificação uma vez que a saída dessas duas casas tão importantes poderá desvalorizar o certame.

Sem dúvidas, quando a classificação for apresentada, mesmo que com novos nomes e excelentes vinhos, Château Ausone e Château Cheval Blanc irão fazer falta!!!

Leia também: Entenda a importância da poda das videiras no inverno

Close