.
Vinhos Zenato
Vinhos Zenato

No mês passado a Word Wine promoveu um almoço super legal no Dom Francisco da ASBAC com os famosos vinhos italianos Zenato, da região do Vêneto. Tivemos o privilégio de conversar com Vittorio Marianecci, diretor da marca, enquanto degustávamos esses excelentes rótulos e os pratos maravilhosos do restaurante.

Vinhos degustados

Vou falar de todos os vinhos que eu degustei porque eu gostei de todos! É difícil isso acontecer em um evento, mas aconteceu nesse! Então vamos lá!

O primeiro vinho apresentado foi o Lugana San Benedetto 2017 DOC. É elaborado com a Trebbiano di Lugana, também conhecida como Verdecchio Bianco.

Lugana San Benedetto 2017 Zenato
Lugana San Benedetto 2017

Surpreendeu pela refrescância, com acidez média alta, aromas cítricos, pêssego branco e um leve floral. O corpo é médio e tem boa persistência. Excelente para o clima de Brasília. Muito bom vinho, bem equilibrado e pode ser encontrado por R$ 160.

O próximo foi o Bardolino 2017 DOC. Elaborado com as castas Corvina Veronese (65%), Rondinella (25%) e Molinara (10%).

Bardolino DOC 2017 Zenato
Bardolino DOC 2017

Simples e muito agradável! Apresentou muita fruta vermelha, como morangos frescos. A acidez e taninos são médios. O corpo é médio menos. Muito fácil de beber! É o tipo de vinho descontraído e excelente para abrir um almoço ou jantar. Preço: R$ 110

Enquanto degustávamos esse rótulo, o Vittorio Marianecci trouxe uma curiosidade sobre as castas que fazem parte de sua composição: a casta Corvina traz qualidade e a Molinara traz rendimento. Achei uma informação interessante para quem gosta de estudar as características das uvas dessa região.

Depois degustamos o Valpolicella Classico Superiore DOC 2017 . Esse foi um dos meus preferidos!

Valpolicella Classico Superiore  2016 DOC  Zenato
Valpolicella Classico Superiore 2016 DOC

É elaborado com Corvina Veronese (85%), Rondinella (10%) e Corvinone (5%). Amadurece por 12 meses em barrica de carvalho. Apresentou muita cereja negra, ervas secas, pimenta preta. Boa complexidade aromática. A acidez é média e os taninos bem macios, com final médio. Gostei muito desse vinho! Tem uma boa estrutura sem ser pesado demais. Os aromas frutados se sobressaem. Preço: R$ 176

A seguir nos foi apresentado o Valpolicella Ripasso Superiore “Ripassa” DOC 2015 . Outro excelente vinho da Zenato.

Valpolicella Ripasso Superiore "Ripassa" DOC
Valpolicella Ripasso Superiore “Ripassa” 2015 DOC

Feito com Corvina Veronese (85%), Rondinella (10%) e Oseleta (5%). Para a elaboração desse vinho, as borras do Amarone já fermentado ficam em contato com o Valpolicella Superiore para aportar mais estrutura, cor e extrato. Isso é perceptível nesse rótulo! Mais estruturado que os anteriores, com intensidade aromática média mais e boa complexidade. Muita fruta negra madura, especiarias doces, pinho e baunilha. A acidez é média alta e os taninos são médios altos. O final é persistente. Preço: R$ 303

Por último, foi servido a estrela do almoço! O Amarone della Valpolicella Classico DOCG 2013!

Amarone della Valpolicella Classico 2013 Zenato
Amarone della Valpolicella Classico 2013

Elaborado com Corvina Veronese (80%), Rondinella (10%), Oseletta e Croatina (10%). Vinho muito intenso em sabores e aromas! Apresentou frutas negras em compotas, ameixas secas, chocolate, especiarias doces e pimenta negra. A acidez é alta e o tanino médio alto e macio. O final é muito persistente! Muito bom e apresenta toda a tipicidade de um excelente Amarone! Preço: 699

Sobre a Zenato

A Zenato é uma vinícola familiar que iniciou as suas atividades em 1960 com Sergio Zenato. Hoje em dia é administrada pela sua esposa, Carla e seus filhos, Alberto e Nadia. A propriedade fica localizada perto do Lago de Garda e dos montes de Lessina no Vêneto. As principais variedades utilizadas em seus vinhos são a Corvina Veronese, Rondinella, Oseleta e Croatina. Exportam para mais de 60 países e seus vinhos são conhecidos por sua qualidade e tradição.

Vittorio Marianecci (Zenato), Bianca Dumas (Blog Vinho Tinto), Phillipe Germa (World Wine)
Vittorio Marianecci (Zenato), Bianca Dumas (Blog Vinho Tinto), Phillipe Germa (World Wine)

Sobre o Vêneto

Vêneto é uma região do nordeste da Itália que está situada entre os Alpes no norte, o Mar Adriático no Sudeste, a Planície Padana no Sul e o Lago de Garda no oeste. Sua capital é a famosa Veneza!

Atualmente, o Vêneto representa a região vitivinícola mais produtiva da Itália contando com 25% da produção de vinhos DOC/G. Apesar da Toscana e do Piemonte possuírem mais apelações, o Vêneto é o maior produtor de DOC/G por volume. Além disso, é a terceira região com maior área de videiras plantadas perdendo somente para a Sicília e a Puglia.

O vinho ocupa um papel fundamental na cultura do Vêneto, sendo que essa região possui um dos mais altos índices de consumo de vinho per capita por ano. Para se ter uma ideia da importância do vinho nessa região, a cidade de Conegliano hospeda a uma das primeiras e mais importantes escolas de viticultura e enologia da Itália, a Scuola Enologica di Conegliano (Enological School of Conegliano), que funciona desde 1876.

Para quem estiver pensando em conhecer a região, vale a pena pesquisar as datas da Vinitaly, uma das mais importantes e maiores feiras de vinho do mundo que acontece anualmente em Verona.

Comentários

comentários

Close