.
IMAGEM 099
O primeiro domingo de junho pode ser declarado Dia Nacional do Vinho

O primeiro domingo de junho pode ser declarado o Dia Nacional do Vinho. Essa é a proposta do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 147/2008, de autoria do deputado Paulo Pimenta (PT-RS), que está pronto para ser votado no Plenário do Senado. A matéria chegou a ser arquivada, mas um requerimento do senador Lasier Martins (PDT-RS), apresentado em março do ano passado, fez com que a matéria voltasse à tramitação.

Plenário aprovou aumento de alíquota para vinho menor do que o originalmente previsto na MP
Depois do Dia Estadual do Vinho no Rio Grande do Sul, o Dia Nacional do Vinho

Justificativa do Projeto

Na justificativa do projeto, o autor destaca a importância que a produção do vinho tem alcançado no Brasil, onde, apesar de não contar com a longa tradição dos países europeus, já apresenta qualidade significativa.

Pimenta lembra que o vinho chegou ao Brasil em 1532, mas somente com a vinda dos imigrantes italianos, em 1875, é que o produto ganhou força. O deputado ainda registra que no Rio Grande do Sul já existe o Dia Estadual do Vinho, comemorado também no primeiro domingo de junho.

Relator da matéria na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), o ex-senador Pedro Simon (PMDB-RS) destacou que a cadeia produtiva do vinho mobiliza milhares de famílias na agroindústria, constituindo fator de desenvolvimento em vários estados brasileiros. O setor emprega cerca de 200 mil trabalhadores de forma direta ou indireta.

Fonte – Agência Senado

Comentários

comentários

Close