.

 

Mais um ícone europeu auge de fraude
Mais um ícone europeu auge de fraude

A Europol – Polícia que tem por missão contribuir significativamente para a aplicação das leis da União Europeia (UE) no âmbito do combate à criminalidade organizada – apoiou uma ação coordenada pela polícia italiana que desmantelou uma sofisticada rede criminosa envolvida na falsificação de marcas e rótulos do vinho ícone Tignanello, um dos supertoscanos mais cobiçados que existe, produzido pela renomada vinícola Antinori. Mais de 11 000 garrafas de vinho tinto foram falsificadas com um vinho de qualidade inferior.
Nove pessoas estão sendo investigadas e três foram presas (um está na prisão e dois em prisão domiciliar). A operação revelou que dois dos detidos fazem parte da mesma família e que estavam usando sua própria empresa como forma de cobrir seus rastros. O negócio também vendeu produtos esportivos on-line como uma forma de enganar os consumidores de suas atividades.
Os policiais italianos iniciaram a investigação em fevereiro de 2017, após um pedido a uma loja de impressão na província de Pistoia para imprimir 4 500 rótulos de vinho.

Fonte: Europol

Comentários

comentários

Close